MUTATIS MUTANDIS

SORVENDO DA SABEDORIA DOS ANCESTRAIS (INSTITUIÇÕES)…

 – Quae praeter consuetudinem et morem majorum fiunt, neque placent, necque recta videntur.

 

Tendo colocado os dizeres acima na minha página do Hi5, na parte relativa ao que está a fazer o dono do espaço cipernético, a minha amiga Conceição Sampaio, de Portugal,  perguntava: “De quê se trata? Rituais?”.

Considerado a possibilidade teórica da resposta ter algum interesse que extravasa o diálogo entre dois amigos, optei por partilhar com o Companheiros as ideias decorrentes dessa questão. Assim…

 

Resposta:

Não diria que se trate de algum ritual, mas de um processo que julgo ser a todos recomendado, num mundo em que as mudanças são cada vez mais aceleradas. Tenho um entendimento flexível do conceito de ancestrais e do modo como podemos sorver da sabedoria destes.

 

Em muitos grupos étnicos de África acredita-se que os ancestrais têm uma potencial capacidade espiritual de nos ajudar. Parece-me haver uma certa correspondência entre estas crenças e dogmas universalizados de que Deus (que no fundo é o maior e inicial ancestral nosso) pode ajudar-nos a direccionar as nossas vidas para os caminhos mais acertados.

 

Como se vê na expressão colocada entre parêntesis, para mim, os nossos ancestrais são verdadeiras instituições dotadas de grande perenidade. Isso pode ter um significado mais intenso nas sociedades africanas, onde a tradição oral continua a ser um importante meio de transmissão de conhecimento, mas parece-me igualmente ajustado ao entendimento de que se enquadram na categoria de ancestrais os vários pensadores que escreveram ou disseram coisas constituem  subsídios para as nossas vidas e sobre as melhores estratégias de ser e estar no mundo, independentemente destes o terem feito de modo escrito ou por via da tradição transmitida de geração a geração.

 

Na verdade, tenho estado a actualizar conhecimentos sobre o aprofundamento do próprio conhecimento e sobre como fazer um aproveitamento optimizado das diferentes capacidades e habilidades que a natureza ou a sociedade me tenham concedido. E esta actividade que pode ser muito facilitada pela (re)análise do que os ancestrais (incluindo nesta categoria as instituições não antropomórficas) nos legaram.

 

António Kassoma “Nguvulu Makatuka”

 

Luanda, aos 7 de Fevereiro de 2009

Esta entrada foi publicada em Cultura. ligação permanente.

4 respostas a MUTATIS MUTANDIS

  1. Didja diz:

    Hj tirei tmpo p ler alguns dos teus post\’s.Tmpo bm gasto, pk e\’ d grande utilidade uk por aki se lê…Volto + logo p ler os Post\’s mais longos e de tese politica.Bjus e continue a brindar.nos com post\’s uteis!Didja Lopes

  2. Céu diz:

    "Amigo é quem te dá um pedaço de chão,quando é de terra firme que precisas;Ou um pedacinho do céu,se é o sonho que te faz falta… " (Marcelo Batalha) QUERIDA AMIGOUM MARAVILHOSO FIM DE SEMANAUM BEIJO E UMA FLORQuero mostrar para você,que sua amizade é importante pra mim!!!Uma flor para…………. / .\\. \\…..Alegrar o seu dia,……….. / . . \\ ..\\ ..Para perfumar……… / . . . `\\ ..\\ A tua alma…….. |. . . . . |. ..|Encher o……… \\ . . . ./ . ./.Teu coração……….. `=(\\ /.=´.De Amor……………. `-;`.-\’ …Para te alegrar………………. || _.-\’| .Uma flor para…………. ,_|| \\_,/ ..Te mostrar o mundo…….. , …. \\|| .\’ ….Pleno de Amor,…… |\\ |\\ ,. ||/ ……Felicidade,….,.\\` | /|.,|Y\\, ….Amizade,…..\’-…\’-._..\\||/ ….Carinho……… >_.-`Y| …..E Paz!………….. ,_|| ……Uma flor para……………. \\||…….Te desejar…………….. || ……Tudo de bomCONVIDO TE A VISITAR O MEU ESPAÇOGOSTEI MUITO DO TEUTEM INTERESSE E VALOR!OBRIGADA

  3. Maria diz:

    Quero deixar meu agradecimento pela excelente qualidade de seu espaço, nos permitindo conhecer um pouco mais de nossa própria Raiz, Mãe África/Brasil.-"Em muitos grupos étnicos de África acredita-se que os ancestrais têm uma potencial capacidade espiritual de nos ajudar. Parece-me haver uma certa correspondência entre estas crenças e dogmas universalizados de que Deus (que no fundo é o maior e inicial ancestral nosso) pode ajudar-nos a direccionar as nossas vidas para os caminhos mais acertados." Parte do texto extraido do seu prórpio texto.Deixo tambem uma questão ou reflexão:- Existe na realidade esta separação Tempo/Espaço? Ancestrai ou descendentes?Hoje somos o presente, amanhã seremos o passado.Respeitar e transmitir saberes de nossos ancestrais nada mais é do que concretizarmos nossos próprios ideais.

  4. Gerson Admir diz:

    Curiosamente cliquei e prontos fui lendo as passagens “ancestrais”e de todo modo fiz uma introspeccao sobre o assunto, na verdade falar de ancestrais remete- nos a rebuscar o nosso passado muito mais no que toca ao modus vivendi o que de facto torna-nos mais virtusos porquanto falar de ancestrais e respeitar certas crencas boas ou mas, se alguem as desrespeita adveem consenquencias

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s